Taioense pode virar prefeito de Blumenau

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Mário Hildebrandt sendo entrevistado por Marcos Roberto na Taió FM (87,9)

O vice-prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt poderá assumir em definitivo a prefeitura da maior cidade do Vale do Itajaí. Em entrevista à Rádio Taió FM (87,9) o taioense (nasceu em Mirim Doce em 1969, quando a cidade era distrito de Taió) disse que está preparado e que o  prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) está trabalhando para disputar as eleições no ano que vem. Se o projeto do Tucano for vencedor, Hildebrandt vai governar Blumenau até 2020.

Mario disse que o prefeito Napoleão está fazendo seu trabalho e colocando o nome a disposição do partido e que a pré candidatura a governador está sendo construída. Hildebrand avalia que se conseguir se lançar dentro do partido, o projeto de Bernardes tem tudo para dar certo, pois é uma candidatura que sai do “tradicional” e falou das qualidades do parceiro.

“É um governador jovem, tem uma expectativa progressista de governo, de ação, com uma visão de futuro diferente. E sai daquela política tradicional, sai dos grupos de políticos tradicionais que governam o Estado nos últimos anos. A candidatura de Napoleão está  dando uma outra perspectiva,  uma nova cara e um novo perfil na política”.

O vice-prefeito de Blumenau rechaçou candidatos tradicionais que pregam a renovação de mentira, negociam cargos e vantagens pessoais  “Eu conheço muitos que se elegeram com o discurso de renovação nas últimas eleições e fazem exatamente a mesma coisa e ainda  continuam como discurso de renovação. Pior, nos bastidores negociam, pregam um discurso, mas na hora de votar, fazem diferente”.

Mário Hildebrandt saiu de Taió no final dos anos 90 para estudar e trabalhar, seus pais ainda residem aqui. Em 1994 começou seu trabalho no Centro de Recuperação Nova Esperança (CERENE), primeiro como voluntário, depois como funcionário, onde lutou por 12 anos na recuperação de vidas afetadas pelas drogas. Esteve à frente da Secretaria Municipal Assistência Social, na gestão de João Paulo Kleinubing, onde criou programas e serviços. Foi vereador, presidente da Câmara de Blumenau e agora Vice-prefeito pelo PSB. Administrador, Assistente Social pela Furb e pós-graduado em Contabilidade pela FGV.  

 

Jornalista Alexandre Salvador

 

Comentários