Desembargador Gallo apanhava da mulher

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O desembargador Tribunal de Justiça de Santa Catarina, Eduardo Mattos Gallo Júnior, acusado de receber propina já postou vídeo na internet afirmando que apanhou da mulher.

Gallo foi acusado pelo advogado Felisberto Córdova, de cobrar propina de 500 mil reais para dar uma sentença, coleciona episódios controversos em sua vida. Quando era Juiz em Itajaí, Gallo també distribuía chupetas para advogados na audiencias.  

Em março deste ano, Gallo divulgou na internet um vídeo em que aparece mostrando vários machucados pelo corpo, resultado de uma briga com sua então mulher, Liliane Mello. Ele estava na casa da sua mãe quando fez a filmagem. 

As imagens foram usadas contra uma queixa de Liliane, que acusou o magistrado de agressão em um boletim de ocorrência na delegacia da Mulher de Florianópolis.
A confusão na época, aconteceu no sábado de Carnaval, desde então o casal, que vivia nas colunas sociais dos jornais e revistas do Litoral Catarinense, está separado.

 

 

Casal em Nova Iorque
Casal na praia
Comentários