Vereadores de Aurora aprovam demolição de portal

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

A Câmara de Vereadores de Aurora, aprovou por cinco votos a quatro, a retirada do Portal do Agroturismo Acolhida na Colônia, situado na entrada do Fundos Aurora. Aurora é uma das mais belas cidades do Alto Vale, conhecida por seu turismo rural de belas paisagens. Para alguns moradores, a ação foi um “grande retrocesso”, e defenderam a manutenção e reforma do portal, e não sua retirada.

“Deixo aqui a tristeza e indignação de nós, os 4 vereadores que votamos pela manutenção e reforma do Portal, que é símbolo do Agroturismo da comunidade do Fundos Aurora. Tenho orgulho de ser Aurorense e de ser lembrado por nossa cultura, comidas e tradições. Acredito que as ações do poder público devem ser voltadas ao fortalecimento das atividades que gerem emprego e renda e não o contrário”, argumentou o vereador Almir Bechtold (PSD), que defende a manutenção do portal

Bechtold usou seu perfil do Facebook para tentar reverter a situação, que concorda com a manutenção não a retirada e recebeu apoio dos moradores. “Praticamente nada se faz pelo turismo do município e ainda o pouco que tem querem retirar. Vergonha. Vergonha. Vergonha. O turismo em Aurora, serve só no tempo antes das eleições, onde os que hoje votaram para retirada do portal, fazem campanha dizendo que tem projetos para aumento do turismo”, escreveu Leo Pfleger na postagem.

A moradora Neusa Pinto Ferreira  foi taxativa: “Enquanto alguns no município realizam projetos para resgatar a cultura local, outros destroem. Lamentável! Acredito que exista razões para isso, mas também quero acreditar que haverá uma solução”.  Já Pamela Andrei Stock se dispôs a ajudar e apresentar estudos aos vereadores e administração. Ela defendeu que o projeto Acolhida na Colônia é importante como uma proposta clara de desenvolvimento sustentável. “Aurora pode ser referência aos demais municípios. As propriedades do roteiro recebem visitas inclusive de pesquisadores de universidades de outros Estados e países. O pórtico, embora necessite de manutenção não pode ser perdido, devemos buscar alternativas”, disse.

Alguns pediram a  demolição do pórtico e defenderam que o município deva priorizar outras áreas. “Penso que o Turismo é importante mas não é e nunca será prioridade para os municípios da nossa região, tenho certeza que as prioridades são saúde estradas e educação, e que só foi retirado o portal por questão de segurança e também que será refeito assim que possível”, justificou Tiago Beppler, que postou uma foto da estrutura de madeira se deteriorando. Bruna Bagio sugeriu: “Se está podre e o reparo não é viável. Coloquem na mídia um laudo da vistoria do engenheiro perito”.

>Redação OBVPress

 

Comentários