TRE-SC lança Projeto Eleitor do Futuro 

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Os alunos de dez turmas do 9º ano do Instituto Estadual de Educação (IEE), de Florianópolis, participaram do lançamento do projeto “Eleitor do Futuro – Educação para a Cidadania”, que contou com a realização de uma palestra sobre política e democracia, distribuição de cartilhas e simulação de uma votação em urna eletrônica com os adolescentes presentes.

A palestra foi ministrada pelo diretor da Escola Judiciária Eleitoral de Santa Catarina (EJESC), desembargador Jaime Ramos, que falou sobre democracia, direitos e deveres dos jovens, além de mencionar a importância da participação política das mulheres, lembrando da campanha do TRE-SC, “Mulheres na Política – Elas Podem. O País Precisa”.

O desembargador comentou que os alunos estão “antenados com a política”, mas que “não estão muito propensos a participar dela. A nossa função aqui é aflorar neles o sentimento da necessidade de maior participação”.

Já a cartilha distribuída, intitulada “Voto e Cidadania”, explica o que é democracia, para que serve o voto, como escolher um bom candidato e também mostra o papel da Justiça Eleitoral. O evento foi na segunda-feira, 18/09.

No final da palestra, os alunos tiveram a oportunidade de realizar uma votação simulada, utilizando a urna eletrônica para elegerem candidatos de cinco partidos fictícios. O aluno Pablo Gimenez achou importante a iniciativa de apresentação da urna para os jovens, que nunca a utilizaram, para aprenderem a manuseá-la futuramente, e também ressaltou a importância do incentivo à discussão sobre política, considerando que “é algo que está sendo bem debatido recentemente e a gente deveria falar mais sobre isso na escola”.

Ao comentar sobre o “Eleitor do Futuro”, o coordenador geral do IEE, Vendelin Borguezon, ressaltou que o projeto representa um momento marcante de incentivo e motivação da cidadania, já que “muitas vezes se cai em um descrédito de que todo representante não age corretamente. Mas é neste momento que o jovem tem que perceber e agir por meio do voto consciente para escolher o seu representante que vai trabalhar para o país”.

O objetivo do projeto, criado pelo TSE e desenvolvido localmente pela EJESC, é despertar a consciência política dos jovens e promover o exercício da cidadania. O Eleitor do Futuro conta com a parceria da Secretaria de Estado da Educação, envolvendo a participação direta dos docentes e discentes.

O projeto prosseguiu nesta terça-feira (19) na escola Brigadeiro Eduardo Gomes com a visita da Promotora Eleitoral da 13ª ZE, Dra. Darci Blatte. Na quarta-feira (20), a escola Intendente José Fernandes também receberá o Eleitor do Futuro, onde será realizada a palestra do desembargador Saul Steil.

As escolas que tiverem interesse em receber o projeto ou agendar uma visita guiada ao Centro de Memória do TRE-SC podem entrar em contato a EJESC pelo telefone 48 3251-3798 ou pelo e-mail [email protected].

Assista ao vídeo em:

Comentários