Vereador pede convocação de Bombeiros Militares

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

A Câmara de Vereadores de Taió, enviou Moção de Apelo ao Governo do Estado de Santa Catarina, para que convoque os candidatos remanescentes, aprovados no último concurso para o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina. A iniciativa do vereador Joel Sandro Macoppi (PP), recebeu apoio dos demais vereadores, que ouviram os argumentos de um grupo de candidatos que aguardam o chamamento.

O apelo foi encaminhado e à Secretaria Estadual de Segurança Pública, sobre a oportunidade de promover o aproveitamento de todos os candidatos aprovados no concurso público realizado em 2017, que disponibilizou 300 vagas. O documento pede que seja permitido uma nova etapa de seleção, aproveitando candidatos remanescentes que também foram aprovados nas duas primeiras fases, mas ficaram de fora destas etapas eliminatórias, devido à cláusula do edital, que somente chamou os primeiros 1.200 candidatos.

As justificativas trazidas, segundo Macoppi, são plenamente viáveis e lógicas, em diversos aspectos, desde a criação de um cadastro de reserva até a redução de despesas e tempo para novo concurso, para suprir a demanda, construindo uma lista final de espera, facilitando sobremaneira todo o ciclo de seleção.

“A gente sabe da carência de efetivo dos bombeiros, assim como da Polícia Militar e Polícia Civil. Os bombeiros salvam vidas, fazem um trabalho excelente pelo tanto de atendimentos, devemos reconhecer esse esforço, mas a ampliação das vagas vai ajudar a nossa população”, comentou o vereador.

Os remanescentes pediram ainda, que seja aplicada a norma corriqueira, no caso da validade do concurso, que neste edital foi curiosamente reduzida para apenas um ano, renovável por igual período, quando nos certames anteriores foi de dois anos. Observam inclusive, no caso do concurso anterior, que mesmo sem candidatos remanescentes, o concurso foi prorrogado.

Comentários