Prefeitura inicia curso com turmas de Costura Industrial

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

40 alunos participam de curso de 60 horas/aula. Proposta é voltada para pessoas desempregadas

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) organiza as primeiras turmas do curso gratuito de Costura Industrial. As aulas começam dia cinco de fevereiro. São duas turmas de 20 alunos. O curso terá carga horária de 60 horas/aula e será ministrado na Obra Kolping. A iniciativa conta com parceria do Sindicato das Indústrias de Fiação, Tecelagem, Confecção e do Vestuário do Alto Vale do Itajaí (Sinfiatec), que cedeu matéria-prima e a Obra Kolping, responsável pelo maquinário e espaço físico.

O público é voltado para trabalhadores que integram o Programa Emergencial de Auxílio Desemprego (PEAD). Ou seja, parte da população que se encontra em situação de vulnerabilidade social ou esteja desempregada. O aprendizado profissional favorece, também, a condição do trabalhador retornar ao mercado formal, ser microempreendedor e sair da condição de vulnerabilidade social e financeira.

A secretária da Seades, Danielle Zanella, argumenta que “o novo curso vem ao encontro da proposta de ampliar opções de profissionalização para atender o seguimento: trabalho, emprego e renda. Conseguimos firmar parceria com a rede de atendimento e outras entidades para acolher os trabalhadores. É uma importante oportunidade de profissionalização que poderá mudar a condição de vida dos trabalhadores. Ter um emprego repercute na manutenção das famílias”.

O prefeito José Thomé salienta “que possibilitar mudança de vida e ascensão social é um dos comprometimentos do Poder Público. Novas turmas virão, como fizemos no ano passado. Eu reforço que concluímos 2017 com 10 cursos que capacitaram 240 alunos. Manteremos o mesmo compromisso e ritmo de trabalho para esse ano que está apenas no começo. Com trabalhadores capacitados injetamos mais movimentação econômica, aprimoramos o setor produtivo e crescimento social para toda cidade”.

TEXTO: Mário Dáud

Comentários