Comunidade elege ícones que representam cultura e história de Ibirama

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
A Prefeitura de Ibirama, por meio do Departamento de Cultura, encerrou na sexta-feira, dia 4 de maio, a enquete “Horizontes do Patrimônio Pioneiro Catarinense”. A seleção buscou a indicação popular de símbolos locais, entre edificações, lugares e paisagens, que melhor representam a cultura e a história do município.
A pesquisa, realizada pelo período de 11 dias, obteve ao todo 435 participações válidas, através de votação online pelo site da Prefeitura. Na primeira colocação, pontuando 68% das indicações, destacou-se o prédio da Associação Hansahoehe, famosa construção em estilo art déco que abrigava o antigo hospital de Ibirama.
Já em segundo lugar, com 5% dos votos, foi indicada a casa enxaimel da Rede Feminina de Combate ao Câncer. O imóvel, cedido para uso da entidade pelo poder público municipal, se localiza junto à área do Centro de Eventos Manoel Marchetti, no Centro da cidade.
Para a surpresa do levantamento, o terceiro ícone mais votado não constava na lista de sugestões iniciais. A Atafona da Família Hajek, situada na localidade de Rio Sellin, recebeu 4,8% das intenções. A estrutura, atualmente tornada um atrativo turístico, apresenta maquinários de moagem artesanal que ainda hoje são movidos pela energia gerada por uma roda d’água da propriedade.
“Este resultado nos confirma a validade da promoção da enquete. Trouxemos a opção da comunidade dar outras sugestões porque queríamos que a escolhas contassem com a verdadeira identificação dos ibiramenses”, destacou o diretor municipal de cultura, Grégory Kietzer.
Os 10 ícones mais votados por meio pesquisa serão agora sugeridos ao banco de dados do projeto “Horizontes do Patrimônio Pioneiro Catarinense”, da Fundação Catarinense de Cultura. A iniciativa do governo estadual tem por objetivo conhecer e inventariar o patrimônio histórico e cultural de Santa Catarina. Conforme as normas, templos religiosos e áreas militares não poderiam integrar as indicações.
Confira o resultado completo:
1º lugar – Prédio Hansahoehe: 299 votos (68,74%)
2º lugar – Casa Enxaimel Rede Feminina: 22 votos (5,06%)
3º lugar – Atafona da Família Hajek: 21 votos (4,83%)
4º lugar – “Castelinho” Aichinger: 17 votos (3,91%)
5º lugar – Prédio da 1ª Escola Alemã: 14 votos (3,22%)
6º lugar – Rio Hercílio: 12 votos (3,22%)
7º lugar – Prédio da Biblioteca e Arquivo Público: 12 votos (3,22%)
8º lugar – Ponte de Ferro: 8 votos (1,84%)
9º lugar – Ilha das Bromélias: 8 votos (1,84%)
10º lugar – Cemitério de Imigrantes: 6 votos (1,38%)

Comentários