Falência de gráfica de Blumenau coloca exame do Enem em risco

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O anúncio de falência da gráfica RR Donnelley, que desde 2009 imprime as provas do Enem, coloca em risco a realização do exame neste ano. O Enem ocorre em novembro e, para cumprir o cronograma, a impressão das provas deve ocorrer até maio, no máximo.

A RR Donnelley, uma das maiores gráficas especializada na impressão de livros no País, entrou com pedido de autofalência. Os funcionários que seguiram para o trabalho nas plantas da gráfica encontraram as portas fechadas e um comunicado em que a empresa anuncia o fim de suas operações no Brasil. Uma das plantas é em Blumenau

O trabalho realizado para o Enem não é feito por qualquer gráfica, uma vez que a operação demanda reforçado sistema de segurança e tem entraves logísticos. No ano passado, o Enem recebeu 5,5 milhões de inscrições. No total, foram impressas 11 milhões de provas. O resultado é a porta de entrada para praticamente todas as universidades do país.

 

Comentários