Servidores do Ministério Público pedem folga para assistir seleção

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Servidores do Ministério Público de Santa Catarina pedem folga para assistir seleção feminina

A flexibilização do horário de expediente durante os jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de Futebol Feminino foi solicitada pelo sindicato da categoria para os servidores do MP-SC (Ministério Público de Santa Catarina). O pedido foi indeferido pelo procurador-geral Fernando da Silva Comin.

Em ofício encaminhado na quarta-feira (12), o presidente do Simpe-SC (Sindicato dos Servidores do MP-SC), Gilmar Rodrigues, solicita a adoção dos mesmos critérios determinados, por meio de portaria, para a Copa do Mundo de Futebol Masculino, em 2018. Na quinta-feira (13), dia do jogo das mulheres do Brasil contra a Austrália, Comin indeferiu o pedido.

 

Comentários