Governo de SC não tem previsão de pagar 13º

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Governo ainda não tem previsão de adiantar parte do 13º aos servidores

De acordo com o líder do governo Carlos Moisés, Maurício Eskudlark (PL) , o Executivo ainda não tem previsão de pagar parte do 13º dos servidores em julho. A informação foi divulgada durante a abertura da sessão ordinária de quarta-feira, 26,  da Assembleia Legislativa. O 13º salário a previsão é para pagar em dezembro, mas todos os anos houve adiantamento, ocorre que todo mundo sabe a situação do estado, não há ainda uma previsão de antecipação do 13º” revelou Eskudlark.

Segundo o líder, apesar da economia realizada pelo governo – só em oxigênio para os hospitais foram economizados R$ 12 milhões em 2019 – o aumento da dívida e do déficit previdenciário impediram a provisão. “A dívida dobrou nos últimos três anos, como também o déficit da previdência aumentou”, argumentou Eskudlark, que ponderou a queda da receita em setores da economia, como o turismo. “Perdemos 70% do turista argentino”.

Comentários