Comércio catarinense tem segundo melhor resultado do país em maio

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O comércio catarinense cresceu em maio após meses com resultado estável, conforme aponta a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), feita pelo IBGE. O comércio varejista restrito, que não leva em consideração a venda de veículos, autopeças e material de construção, apresentou alta de 12,3% no volume de vendas em relação a maio do ano passado e de 2,4% na comparação com abril.

No acumulado em 12 meses a alta foi de 6,9% no volume e de 11,7% na receita e no varejo ampliado cresceu 8% e 11,7% nesta mesma comparação. Em um ano, as maiores altas foram nos segmentos de equipamento e material de escritório, informática e comunicação,  material de construção e móveis. Por outro lado, os piores desempenhos foram livros, jornais, revistas e papelaria e tecido, vestuário e calçado. No cenário nacional o desempenho foi bem mais tímido, alta de 1,0% no volume de vendas e de 5,8% na receita em relação ao mesmo mês do ano passado.

Em 12 meses, fechou com alta de 1,3% e 5,3%.

Comentários