Mesmo sem férias, deputados deixam Câmara quase vazia

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Mesmo sem o recesso congressual –marcado para 18 de julho– ter começado oficialmente, boa parte dos deputados federais deixou Brasília e a Câmara dos Deputados ficou praticamente vazia na 2ª feira (15.jul.2019). De 513 deputados, apenas 76 estiveram presentes na sessão deliberativa de debates para começar a contar o prazo para o 2º turno de votação da reforma da Previdência, que é de 5 sessões a partir da aprovação em 1º turno. A sessão iniciou às 14h05. 

Uma outra sessão marcada para as 18h foi cancelada. Neste ano os congressistas não podem entrar de recesso. Isso porque não foi votada a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2020. A lei só deve ser colocada em debate em agosto. Apesar disso, os deputados e os senadores farão um “recesso branco”, período, sem previsão regimental, em que não há cobrança de presença na Casa.

Comentários