Polícia prende vereador que matou prefeito por causa de porteira

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

A polícia prendeu o vereador Marcos Alves de Lima, o Marquinho do Depósito (PSDC), acusado de matar o prefeito de Naque, no Vale do Rio Doce, Hélio Pinto de Carvalho, conhecido como Hélio da Fazendinha (PSDB), no último sábado (13). O suspeito foi detido em Vitória, pela Polícia Civil do Espírito Santo. 

O vereador Marquinho chegou a ser preso na manhã de sábado pela Polícia Militar (PM), que montou um cerco na região. Contudo, o suspeito respondia pelo crime em liberdade por, segundo a Justiça, não representar risco para a sociedade e ter endereço fixo. Ele foi liberado em audiência de custódia. O prefeito e o vereador já teriam desavenças antigas. Na manhã de sábado, o vereador estava instalando uma porteira na entrada do terreno, local em que funcionários da prefeitura teriam jogado entulho. 

O lixo causou uma discussão entre o suspeito e a vítima. O prefeito teria atingido o vereador com um chicote e o vereador sacou um revólver e atingiu o chefe do Executivo local com quatro disparos. Logo em seguida, deixou o local.

Comentários