Unidades prisionais poderiam reduziriam vagas pela metade

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Com uma média de 7,8 pessoas presas por dia, Santa Catarina se aproxima da marca 23 mil detentos distribuídos entre as 18 mil vagas que existem no sistema prisional. O déficit hoje é de 4,9 mil lugares, conforme a Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP). Das 50 unidades, 15 têm algum tipo de interdição judicial, que pode impedir o recebimento de novos presos. Enquanto a população carcerária cresce, o impasse na construção de quatro presídios, que reduziriam a carência para 2,3 mil vagas, é solucionado a passos lentos.

Com projetos e verbas disponíveis desde 2014, a realização das obras ainda encontra resistência por parte de três municípios: São José, Tijucas e Imaruí. Biguaçu, que estava na lista, chegou a um acordo com o Estado. São Bento do Sul, na região Norte de SC, era um deles, mas teve a ordem de serviço para construção assinada em maio deste ano.

Comentários