Justiça faz mutirão de desapropriações na BR 470

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes de Santa Catarina (DNIT), juntamente com a Justiça Federal, promove um mutirão de desapropriações no Lote 2 da BR-470, que vai de Ilhota a Gaspar. Durante a semana, a Justiça Federal de Blumenau vai trabalhar na força-tarefa, que pretende solucionar doze processos, avaliados em cerca de R$ 2,5 milhões.

Os trabalhos acontecem duas semanas depois de uma reunião da bancada catarinense no Congresso Nacional com o presidente Jair Bolsonaro, que também teve a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.O ministro sinalizou mais uma vez que a BR-470 é prioridade do Governo Federal em Santa Catarina, e disse que a expectativa é de que o Ministério garanta recursos para que os quatro lotes de obras da rodovia (de Navegantes a Indaial) sejam entregues até dezembro de 2020.

Comentários