Operação IPVA apura crime no Citran de Taió

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

OPERAÇÃO IPVA DA POLÍCIA CIVIL DE TAIÓ APURA A PRÁTICA DO CRIME DE CORRUPÇÃO PASSIVA

Operação IPVA, da Polícia Civil de Taió, investiga um esquema que envolvia o recebimento de propina por um ex-funcionário terceirizado do CITRAN de Taió. Os valores seriam pagos para que o suspeito agilizasse a emissão de documentos relacionados a veículos, tais como licenciamentos e transferências.

Foi dado cumprimento, na tarde de hoje (22/4), a um mandado de busca e apreensão na sua residência, local em que foram apreendidos, além de um notebook e um telefone celular, documentos que podem ter relação com a prática dos crimes.

A Polícia Civil esclarece que o investigado não trabalha mais na unidade desde o mês de janeiro do corrente ano e que apesar de ele não ser servidor público responde criminalmente como se fosse, nos termos do art. 327 do Código Penal.

O montante recebido e os demais detalhes do esquema criminoso estão sendo apurados no Inquérito Policial.

Colabore com a Polícia Civil: 🚔
Siga: www.instagram.com/policiaciviltaio
Curta: www.facebook.com/policiaciviltaio
Whatsapp: (47) 9 9227-7936
O sigilo é garantido!

Comentários