Agricultor pagou R$ 45 mil por poço com 220 metros

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Um agricultor e comerciante na localidade de Alto Rio Krauel, em Witmarsum, não conseguiu  aguardar a promessa de autoridades politicas do Alto Vale do Itajaí e de Santa Catarina.

Nilton Schramm construiu um poço artesiano em sua propriedade e pagou do próprio bolso, R$ 45 mil reais. Ele contou em reportagem à Rádio 105 Salete FM, que a empresa contratada levou apenas um dia para furar o poço com 220 metros de profundidade.

Considerando essa média, daria para perfurar pelo menos 100 poços por mês, se os quatro caminhões perfuradores de Poços Artesianos, que estão em posse da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí, (Amavi) estivessem em uso.

Pelo menos 2.800 poços com água potável estariam sendo usados por 100 agricultores ou empresários em cada um dos 28 municípios do Alto Vale.

Os quatro equipamentos, estão desde 2017 em posse da Associação. Ante disso, estavam parados no pátio da Secretaria de Estado de Agriculta, em Florianópolis. Os equipamentos foram adquiridos em 2013, com recursos do Governo Federal, (PAC 2).

 

Comentários