Anuncie aqui!
Publicado há 09:58 | Atualizado em 23/05/20 às 09:05

Operação prende casal por tráfico de drogas em Laurentino

A Polícia Militar realizou prisões por tráfico de drogas nesta sexta-feira, 22, na cidade de Laurentino. Após denúncias, policiais da agência de inteligência da Polícia Militar de Rio do Sul iniciaram um monitoramento de uma suposta residência onde estaria ocorrendo tráfico de drogas na localidade de Ribeirão Laurentino.

Por volta das 18h foi abordado um homem suspeito próximo a esta residência e em sua posse foi encontrado uma pedra de crack. Logo na sequência, um motociclista que saía da citada residência, notando a presença dos policiais, acabou jogando um objeto na mata e também foi abordado, porém, em sua posse nada foi encontrado e após buscas na mata, os policiais não encontraram tal objeto.

Em ato contínuo, os policiais militares e policiais civis, procederam em realizar a entrada na residência monitorada, onde, de primeiro momento, foi abordado um homem de 24 anos, que fazia a suposta função de segurança do local, encarregado de alertar os suspeitos de tráfico sobre a movimentação policial e foi constatado que tal sujeito apresentava em seu desfavor um mandado de prisão em aberto por furto.

Já no interior do imóvel foi abordado o suposto casal que realizava o tráfico de drogas, um homem e uma mulher, ambos de 18 anos, cujo homem no momento de sua abordagem ficou agressivo e ofereceu resistência, mas logo foi contido e imobilizado.

Após buscas no interior da casa, foram encontradas substâncias entorpecentes como; 15 pedras de crack e 03 buchas de cocaína (pequena porção) e outros materiais proveniente de tráfico como; balança de precisão, dinheiro e aparelhos celulares. Que as buscas continuaram na parte externa da residência, onde em um mato, nos fundos da casa, foi encontrado mais um invólucro de maconha pesando aproximadamente 450 gramas. Que todo o material de tráfico e drogas foram apreendidos e os envolvidos foram presos em flagrante e conduzidos a Delegacia de Polícia para as demais providências.

FOTO ARQUIVO