Vice gasta R$ 120 mil com segurança e quer gastar mais

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

A vice-governadora de SC, Daniela Reinehr tem uma escolta formada por pelo menos 14 policiais militares, assim como o governador, inclusive para proteção da residência oficial. Na primeira portaria de janeiro de 2019, a Casa Militar nomeou dez policiais militares, sendo dois oficiais, para esta finalidade.

Ela também já  pedir porte de arma à Polícia Federal (PF) por medo de uma possibilidade de atentado, agora, Daniela Reinehr, deu outro sinal de que está preocupada com a segurança pessoal.

Em ofício recente ao secretário Nacional de Segurança Pública, o coronel Carlos Renato Machado Paim, ela pediu apoio para destinação de armamento e coletes balísticos para os policiais da Casa Militar, responsável pela proteção dela e do governador Carlos Moisés da Silva.

Dentre os pedidos ao secretário estão, por exemplo, seis fuzis e munições. O documento foi encaminhado à Brasília no dia 23 de julho. No ofício ela lembra que a coordenadoria de segurança da Casa Militar é responsável pela segurança do “Governador e da Vice-governadora do Estado e de seus familiares” .

Para a vice, a equipe precisa de equipamentos além das atuais armas já usadas, além de materiais de apoio.

 

Comentários