Salete apresenta crescimento na avaliação escolar

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Subiu a nota do Município de Salete no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o IDEB. No resultado referentes ao ano de 2019, foram divulgados pelo Ministério da Educação na terça-feira, 15/09, o município teve uma evolução significativa no índice, superando todas as metas municipais e nacionais. Outro destaque, foi a subida de Salete no ranking dos 28 municípios que compõem a região do Alto Vale do Itajaí, conseguindo a sexta melhor nota, 6,5, no IDEB. 

Com isso a cidade de Salete apresenta a mesma média do índice do Estado de Santa Catarina, que tem a  segunda melhor nota do Brasil. Se comparado aos anos iniciais, a Educação de Salete alcançou índice de 6,5, maior que o índice de 2017, que foi de 6,0 e a meta de era 6,0. Nos anos finais, o município alcançou o índice de 5,7, superando a nota de 2017, que foi 5,1. Se comparar o ensino médio, outra evolução, nota 4,6 bem maior que a anterior que foi 2,9. 

Para a secretária de Educação de Salete, Joana de Jesus Demori, o crescimento no IDEB é resultado do trabalho da equipe de professores que está comprometida com o ensino de qualidade. Ela também destacou as melhorias estruturais e capacitações  realizadas na rede municipal de ensino. “A Educação em Salete está passando por uma grande transformação e o esforço de professores, gestores educacionais e outros servidores contribuíram para o resultado positivo”, destacou Joana.

O IDEB é o principal indicador de qualidade da educação brasileira e é realizado a cada dois anos. É calculado com base em dados de aprovação nas escolas e de desempenho de estudantes no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (SAEB), que avalia os conhecimentos dos estudantes em Língua Portuguesa e Matemática. O índice final varia de 0 a 10, tem metas diferentes para cada ano de divulgação e também metas específicas nacionais, por estado brasileiro, por rede de ensino e por escola.

 

Comentários